INCUBAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO SABOR E SAÚDE

Apresentação
Este projeto se encontra vinculado à Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP) da Universidade Federal de Alfenas-MG (UNIFAL). Neste projeto, busca capacitar agricultores(as) familiares do município de Varginha-MG da Associação Sabor e Saúde para a gestão coletiva de sua associação. Nesse sentido, a associação se encontra em processo de reestruturação, justificamos a não apresentação de termo de anuência dos(as) agricultores(as) como anexo a este projeto em razão de que, como a associação se encontra em vias de consolidação, ainda não realizou o processo definitivo de escolha de seus representantes. Desse modo, a equipe do projeto entendeu que destacar de antemão um(a) dos(as) agricultores(as) como representante da associação para assinar tal termo feriria o processo democrático de gestão da associação.

Introdução
A Economia Solidária é um termo utilizado em diversos países para designar empreendimentos de base associativa e autogestionária (geridos direta e democraticamente pelos seus próprios trabalhadores) que têm como princípios chave a propriedade coletiva ou associativa de capital, igualdade de direitos e de meios de produção, e possuem uma lógica que se pretende diferente da do capitalismo, prezando a valorização dos laços sociais e com a finalidade de aprimoramento do indivíduo como ser social (BARRETO;PAES DE PAULA, 2008; SINGER, 2006; ONUMA; MAFRA;MOREIRA, 2012). A Economia Solidária apresenta, segundo a SENAES (2009), quatro características: a cooperação, a dimensão econômica, a solidariedade e a autogestão. Esta última é apontada como a sua principal característica, que distingue radicalmente os empreendimentos econômicos solidários (como são denominadas as organizações da Economia Solidária, a exemplo das cooperativas, associações, empresas autogestionária, clubes de trocas, dentre outras) das empresas capitalistas visto que, nesta visão, se rompe com a heterogestão (existência de patrões e empregados) e todos os trabalhadores administram sua organização de forma autônoma (SINGER, 2002, 2003). Dessa forma, a autogestão poderia ser vista como a raiz da proposta da Economia Solidária que busca, dessa forma, romper com o sistema econômico capitalista, criando uma nova economia: a Economia Solidária (SINGER, 2002, 2003). Assim, com base na Economia Solidária, grupos autônomos de trabalhadores(as) podem buscar novas formas de organização e de administração de sua produção, oportunizando a geração de trabalho e renda por parte dos(as) agricultores(as) familiares da associação.

Objetivo Geral
Colaborar no processo de organização e administração da associação de agricultores(as) familiares formada pelos(as) atuais membros da Associação Sabor e Saúde de Varginha-MG, contribuindo para que seus membros se capacitem para a administração coletiva da associação, bem como sensibilizando tais agricultores(as) a respeito da Economia Solidária e seus princípios.

Objetivos Específicos
- Atender a demandas de capacitação dos(as) agricultores(as) familiares da Associação Sabor e Saúde em aspectos de organização e de administração de uma associação, para que estes possam gerir sua organização produtiva de maneira autônoma; - Apresentar aos(às) agricultores(as) familiares da Associação Sabor e Saúde, dentro da proposta dialógica do processo de incubação da ITCP/UNIFAL, os princípios de Economia Solidária; -Sensibilizar os(as) agricultores(as) familiares da Associação Sabor e Saúde, dentro da proposta dialógica do processo de incubação da ITCP/UNIFAL, a respeito dos benefícios e importância da agricultura familiar para a proposta da Economia Solidária enquanto outra forma de geração de trabalho e renda.

Justificativa
Este projeto se encontra integrado à ITCP/UNIFAL - MG, uma vez que o mesmo objetiva a incubação de dois empreendimentos econômicos solidários, incubados pelo programa, com vistas ao desenvolvimento regional sustentável, por meio da Economia Solidária.

Beneficiário
Os(as) beneficiários(as) diretos(as) do projeto serão os(as) agricultores(as) familiares de Varginha-MG, que atualmente estão ligados à Associação Sabor e Saúde, que conta atualmente com treze participantes, que representam seus núcleos familiares de produção.