PROMOÇÃO DE SAÚDE BUCAL NA UNIFAL-MG – SORRISO SAUDÁVEL

Apresentação
A Odontologia possui um papel social importante para uma mudança de paradigmas do modelo curativista para o modelo de promoção de saúde, pautado na vigilância em saúde e na saúde do trabalhador. A assistência odontológica e a promoção de saúde são de grande relevância para os servidores da UNIFAL-MG, pois auxilia os profissionais a expandirem os benefícios em saúde e melhora a qualidade da assistência. A promoção de saúde é um processo de capacitação dos servidores para que possam participar ativamente de ações que permitam atuar com o profissional na melhoria de sua qualidade de vida e saúde, portanto, deve ser construída com base na co-responsabilidade e na co-participação entre os profissionais e os servidores da Instituição. A promoção de saúde em Odontologia tem seu alicerce na prevenção, reabilitação, preservação e vigilância da saúde oral, melhorando a saúde geral, auto-estima, relacionamentos e bem estar.

Introdução
A melhoria das condições de vida e de saúde do trabalhador têm sido tema de crescente importância nas organizações, já que impacta direta ou indiretamente na produtividade e nos resultados obtidos. É no trabalho que o ser humano passa parte significativa de sua vida, daí a necessidade de assegurar que o trabalhador possa desenvolver atividades na busca da integração biopsicossocial, de controle de fatores de riscos ocupacionais que promovam o seu bem-estar. Entre as vantagens que programas de atenção odontológica voltados aos servidores podem oferecer destaca-se: a prevenção das doenças bucais; facilidade de acesso; possibilidade de diagnóstico precoce dos casos de câncer bucal; aumento da motivação; aumento da sua qualidade de vida e autoestima; aumento da eficiência; diminuição dos riscos de acidentes de trabalho e diminuição do absenteísmo (PIZZATTO, GARBIN, 2006). O cirurgião-dentista tem um importante papel na prevenção de doenças gerais ou sistêmicas e na realização de um diagnóstico precoce (SALES PERES, 2006). Várias doenças sistêmicas tem sua primeira manifestação na boca e seu diagnóstico pode ser realizado em consultas odontológicas periódicas (MELO, 2010). Os problemas bucais frequentemente, provocamdesconforto físico e emocional, além de causar prejuízos à saúde geral, diminuindo a produtividade dos servidores nas suas funções, possibilitando acidentes de trabalho pela falta de concentração, automedicação e absenteísmo (MELO, 2010). A saúde bucal não pode ser trabalhada de forma isolada e descontextualizada, este programa busca a integralidade de ações individuais e coletivas e está em consonância com a Portaria Normativa nº 6 de 23 de outubro de 2012, que instituiu Diretrizes para a Promoção de Saúde Bucal do Servidor Público Federal. Contribuir para a melhoria do nível de qualidade de vida do maior número de servidores possíveis dentro da UNIFAL-MG, é uma das metas deste programa. Destacando aqui a importância da continuidade do projeto como uma atividade permanente, visto que a motivação e promoção de saúde devem ser ofertadas continuamente para que um resultado positivo seja alcançado.

Objetivo Geral
Orientar e conscientizar os servidores da UNIFAL-MG quanto à importância da saúde bucal para a melhora de sua qualidade de vida.

Objetivos Específicos
Prevenir doenças bucais tais como cárie e doença periodontal; Orientar o servidor portador de diabetes; Prevenir câncer bucal e outras afecções bucais; Prevenir manifestações bucais de doenças sistêmicas; Prevenção de doenças cardiovasculares; Motivar o servidor para uma boa higiene bucal; Orientar a servidora gestante quanto a sua saúde bucal e do bebê; Apoiar e atuar junto ao grupo de cessação do tabagismo.

Justificativa
A natureza infecciosa, dinâmica, multifatorial e psicossocial das doenças cárie e periodontal, somada à constatação de que os procedimentos operatórios cirúrgicos/restauradores não são suficientes para controlar as doenças e problemas bucais, justifica a necessidade de educação em saúde, como um processo contínuo capaz de desenvolver a consciência crítica nos indivíduos, das causas reais de seus problemas e atuar como estímulo para a mudança de atitude, assim justificando a continuidade do projeto como uma atividade permanente.

Beneficiário
Servidores técnico-administrativos, docentes da Unifal-MG e comunidade externa.